Página inicial

O programa de mestrado em saúde coletiva da Universidade Federal Fluminense foi criado em 2007 e iniciou a primeira turma em 2008. O curso tem como objetivo desenvolver formação acadêmica em nível de pós-graduação, comprometida com a produção de conhecimento e a reflexão crítica sobre o campo da Saúde Coletiva.

Com ênfase na natureza transdisciplinar da Saúde Coletiva, os conhecimentos desenvolvidos no mestrado possuem interface prática com a academia e com os serviços de saúde de Niterói e amplia o conhecimento teórico, com a compreensão da saúde como produto de determinantes sociais.

O Programa é estruturado em uma área de concentração em Saúde Coletiva e quatro linhas de pesquisa: Determinantes do processo saúde/doença no ciclo da vida; Nutrição em Saúde Coletiva; Cuidado em saúde: teoria e práxis e Educação em/na Saúde: saberes e práticas.

O compromisso do mestrado é apoiar a formação científica para o desenvolvimento de projetos de pesquisa, contribuindo com a produção de conhecimento na área. Capacitar para a docência no campo da Saúde Coletiva, contribuindo para a conscientização, no interior da universidade e na opinião pública, dos problemas de saúde da população brasileira. E, colaborar com instituições nacionais e de outros países no desenvolvimento de projetos conjuntos relacionados ao campo da saúde coletiva.